“Mosquitérica” para prender o Aedes Aegypti em Matelândia

Alunas da escola Municipal Dom Bosco apresentando o “mosquitérico”.

MATELÂNDIA - Alunos do 5º ano da Escola Municipal Dom Bosco, após assistirem a uma reportagem de televisão criaram o “mosquitérico”, uma engenhoca feita de litro de plástico descartável.

No equipamento produzido por crianças as larvas que se reproduzem, transformando-se no mosquito transmissor da dengue, ficam presas em uma forma de alçapão e pela falta de ar no recipiente acabam morrendo.

Notícias recentes

Compartilhar